segunda-feira, 12 de maio de 2008

Para o meu amor...

... que está ausente em trabalho, no Porto.
Miss you already! Love!




"O meu amor tem lábios de silêncio
e mãos de bailarina
e voa como o vento
e abraça-me onde a solidão termina

O meu amor tem trinta mil cavalos
a galopar no peito
e um sorriso só dela
que nasce quando a seu lado eu me deito

O meu amor ensinou-me a chegar
sedento de ternura
sarou as minhas feridas
e pôs-me a salvo para além da loucura

O meu amor ensinou-me a partir
nalguma noite triste
mas antes, ensinou-me
a não esquecer que o meu amor existe"

- Jorge Palma -

3 comentários:

àgape disse...

oh tadinha...como é estar sozinha?com tanto trabalho de dia e sem a cara metade...força amiga=)

Rute Carla disse...

A Soraia está cá comigo, o que é uma grande ajuda. Mas é isso mesmo, fata a cara metade... O mais complicado é a hora do deitar!...Hug

Rute Carla disse...

Há por ai umas madrinhas que vão aparecer esta semana... E a que está do outro lado do oceano tem desculpa, de contrário não escapava!